ico-filme1-
left-pmundial1

Grupos Políticos Municipais

ps1scma1ppd-psd-1cdu1be1cds-pp1

Calendário de reuniões

loader

Deputados Municipais visitam a Quinta Nova da Assunção e a Quinta da Fidalga

 IMG 0008

Na manhã de sábado, dia 18 de Março, a Assembleia Municipal organizou mais uma das suas visitas culturais destinadas aos deputados municipais. Desta vez, fomos conhecer melhor duas das mais belas quintas do nosso território, a Quinta Nova da Assunção em Belas, e a Quinta da Fidalga em Agualva, ambas propriedade do Município.

 IMG 9999   IMG 9978

 A Quinta Nova da Assunção, em Belas, foi construída por João Maria da Silva Rego por volta de 1860 e constitui um belo exemplar da arquitectura e do gosto oitocentista. A propriedade, simultaneamente de lazer e rural, estende-se por mais de quarenta hectares onde não faltam recantos, painéis de azulejos, casa de chá, miradouro e muitos outros motivos de interesse.

A Quinta da Fidalga, em Agualva, começou a ser construída em 1722 por José Ramos da Silva, homem de grandes posses que havia arrecadado no Brasil.

Em 1726 edifica a Capela de Nossa Senhora do Monte do Carmo, nome pelo qual era conhecida a quinta na época. Pai de um dos vultos maiores da cultura nacional, Matias Aires, terá sido aqui que o grande filósofo escreveu a sua obra Reflexões Sobre a Vaidade dos Homens, entre outras.

 Em 1830, a quinta é vendida ao Conde da Mesquitela, Bartolomeu Costa Macedo, que casa, aos setenta anos de idade, com a jovem Dona Maria do Ó Osório de Castro, conhecida e tratada pelo povo da localidade como a “Fidalga”, nome pelo qual ainda hoje se reconhece a famosa quinta.

 

  |  Copyright: Câmara Municipal de Sintra 2014