Grupos Políticos Municipais

ps1ppd-psd-1cds-pp1cdu1be1pan1mpt1

Calendário de reuniões

loader

Voto de Pesar pelas vítimas dos incêndios florestais

fogo florest

Portugal de luto e em estado de tristeza profunda.

Depois de há quatro meses termos vivido a terrível tragédia que se abateu sobre quatro concelhos do distrito de Leiria, cujo incêndio de dantescas proporções resultou na perda de inúmeras vidas, causando ainda imensos feridos e populações deslocadas, Portugal volta a ser insuportavelmente atingido por uma tragédia de idênticas proporções que deixa os portugueses em estado de choque e de luto profundo perante tão aterradora fatalidade e enorme dimensão de vidas humanas perdidas.

O verão de 2017 ficará, para sempre, marcado a negro na nossa memória coletiva como  um dos mais dramáticos e destrutivos, sobretudo pela perda de vidas humanas mas também para as nossas florestas e ecossistemas, com custos incalculáveis para o nosso país e com as nossas comunidades, atingidas pelos fogos florestais, a chorarem os entes queridos intoleravelmente perdidos e a viverem a angústia da terrível ameaça das chamas às portas de suas casas, muitas delas, lamentavelmente, acabando em perda dos seus bens, do seu lar e da sua base de sustento.

Coimbra, Guarda, Castelo Branco, Viseu, Portugal e os portugueses choram e lamentam a perda de 38 vidas humanas.

Neste momento de grande consternação e pesar nacional, a Assembleia Municipal de Sintra, em luto municipal, endereça toda a sua disponibilidade e empatia aos autarcas cujas comunidades foram atingidas pelo drama trágico da perda de vidas humanas, e cujos territórios foram devastados por incêndios de incontroláveis proporções, associando-se profundamente solidária à perda das famílias enlutadas, às populações evacuadas das suas vilas e aldeias, muitas delas, despojadas das suas residências e de todos os seus bens.

Sintra, 17 de outubro de 2017

O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA MUNICIPAL

  |  Copyright: Câmara Municipal de Sintra 2017